Início / Utilidade Pública / Seguro Desemprego – Consulta, Caixa, Quem tem direito?

Seguro Desemprego – Consulta, Caixa, Quem tem direito?

O Seguro Desemprego é um dos muitos benefícios sociais oferecidos aos trabalhadores brasileiros. Tendo o seu pagamento intermediado pela Caixa Econômica Federal, o Seguro Desemprego garante ao trabalhador o auxílio financeiro durante os meses posteriores ao encerramento do contrato de trabalho.

A fim de agilizar o processo de recebimento do benefício, o Ministério do Trabalho e Emprego disponibiliza uma ferramenta online, na qual é possível consultar a habilitação do seguro, bem como obter um extrato de pagamentos, com suas respectivas datas.

seguro desemprego

Como Fazer a Consulta do Seguro Desemprego

Para ter acesso às informações, o trabalhador deve acessar o sistema disponibilizado no site do MTE, através do endereço http://granulito.mte.gov.br/sdweb/consulta.jsf.

Em seguida, deverá ser informado ao sistema o número do PIS/PASEP. Tal informação conta no cartão de inscrição do PIS, ou ainda no Cartão Cidadão.

Para finalizar a solicitação, basta digitar o código de verificação, na imagem logo abaixo, e clicar em “Consultar”.

Informações Disponibilizadas no Sistema

Uma vez dentro do sistema, o trabalhador terá acesso à todas as informações referente à pagamentos e liberações.

Sobre as parcelas já pagas, o sistema informa as datas das parcelas e a situação “PAGA”. Isso garante um melhor controle sobre os pagamentos já realizados.

Já para os próximos pagamentos, quando os mesmos estiverem liberados, a mensagem “A sua próxima parcela já está disponível” é informada. Quando esta mensagem aparecer no sistema, significa que o recebimento nas agências da Caixa ou Casas Lotéricas já pode ser efetuado.

Informações Adicionais sobre Seguro Desemprego

Para realizar o saque do benefício, é necessário que o trabalhador possua o Cartão Cidadão. Quem ainda não o possui, poderá solicitá-lo pessoalmente em qualquer agência da Caixa Econômica Federal, diretamente no caixa.

A quantidade de parcelas e valor das mesmas depende exclusivamente do período de registro e valor do salário recebido. O número máximo de parcelas é de cinco e o valor máximo é de R$1.235,91.

Leave a Reply

Scroll To Top